Provavelmente, em algum momento da vida, quase todas as mulheres se farão a seguinte pergunta: “será que estou grávida?”.

Aqui no blog do Centro Médico Saúde da Família, já demos várias dicas de saúde para as mulheres e muitas delas direcionadas às gestantes. Recentemente, preparamos uma lista com dicas para as mamães de primeira viagem.

Neste post, vamos falar sobre quais são os principais sintomas da gravidez.

Boa leitura! 🙂

Quando os sintomas da gravidez começam?

De modo geral, os sinais de gravidez começam a surgir cerca de 40 dias depois da mulher ter engravidado.

É comum que o primeiro sintoma da gravidez seja a ausência de menstruação ou atraso menstrual. Esse atraso é detectado quando a menstruação não vem no período esperado.

As mulheres precisam ficar atentas ao corpo, pois os primeiros sintomas de gravidez podem surgir antes mesmo do atraso na menstruação.

Os sintomas que podem surgir antes do atraso menstrual são:

  • Cólica e inchaço abdominal;

  • Corrimento vaginal cor-de-rosa;

  • Mamas sensíveis e inchadas;

  • Cansaço fácil;

  • Aversão a cheiros fortes;

  • Variações de humor;

  • Enjoos, vômitos ou salivação excessiva;

  • Tonturas, sono e dor de cabeça;

  • Aumento da vontade para urinar;

  • Espinhas e pele oleosa.

Porém estes sintomas precisam ser considerados como possíveis sinais para a gravidez , depois do atraso menstrual, porque eles também podem ser confundidos com a TPM.

Sinais depois do atraso menstrual

Depois do atraso menstrual, os sintomas que podem ser percebidos no início da gravidez são as náuseas, vômitos, o aumento da sensibilidade nas mamas, aumento da frequência urinária, cansaço e mudanças de humor.

Vamos falar um pouco mais sobre cada um deles.

Náuseas e vômitos

Durante o início da gravidez, os enjoos e vômitos são frequentes e comuns, principalmente, pela manhã.  As náuseas e os vômitos são alguns dos sintomas de gravidez mais conhecidos, que costumam surgir após a 6ª semana. Eles podem durar ao longo de toda a gravidez.

Porém, as náuseas não precisam ser sempre acompanhadas por vômitos. Costuma ser mais frequentes que o enjoo surja sem que a mulher vomite, principalmente, durante a manhã.

Uma característica que está ligada a esses sintomas é o excesso de salivação. Que acaba tornando os enjoos ainda mais desconfortáveis para a mulher.

Ainda que a salivação excessiva possa durar por toda a gestação, de modo geral, é comum que ela diminua quando os enjoos melhoram.

Aumento da sensibilidade nas mamas

Durante as primeiras semanas de gestação, a mulher pode sentir que os seios ficam mais sensíveis. Essa sensação acontece por causa da ação dos hormônios que estimulam as glândulas mamárias, já preparando a mulher para a amamentação.

Por isso, também acontece um aumento da mama, que passa a ter glândulas mamárias mais desenvolvidas para atender às necessidades de amamentação do bebê.

Durante esse primeiros dias, os mamilos também podem sofrer algumas alterações, podendo ficar mais sensíveis e inchados. A aréola pode ficar mais escura que o normal pelo aumento de fluxo sanguíneo na região.

É possível que algumas mulheres sintam desconforto com o simples toque da blusa ou sutiã no mamilo.

Aumento da frequência urinária

Com a gravidez, o corpo da mulher precisa produzir vários hormônios, como a progesterona, que garante o desenvolvimento do bebê de forma saudável.

Quando essa produção de hormônio acontece, os músculos da bexiga ficam mais relaxados e, por isso, é mais difícil esvaziar completamente a urina que está nela. Por isso, a gestante pode sentir vontade frequente de ir ao banheiro urinar.

Cansaço excessivo

O cansaço constante é um dos sintomas mais comuns da gravidez. Ele pode ser sentido durante toda a gestação, começando a surgir depois dos 15 dias.

Powered by Rock Convert

É comum que este cansaço aumente durante as primeiras 12 semanas, enquanto o corpo vai acostumando o metabolismo para fornecer a energia necessária para o do bebê.

O sintoma do cansaço, é facilmente identificável quando a mulher começa a sentir que as tarefas que fazia normalmente já estão se tornando exaustivas. É comum a mulher sentir  que chega ao final do dia sem energia ou precisando dormir mais de 10 horas por noite.

Mudanças de humor

Nos primeiros 15 dias de gravidez, a mulher pode identificar algumas variações no humor, sem causa aparente que as justifique.

Neste caso, é comum que a mulher chore por situações que não a fariam chorar antes e, provavelmente, este sintoma deve permanecer por toda a gestação.

As alterações hormonais são a justificativa dessa variação de humor. Mudanças hormonais que são normais da gravidez podem causar um desequilíbrio nos níveis de neurotransmissores, deixando o humor instável.

Quando fazer o teste de gravidez

O teste de gravidez, que pode ser comprado em farmácia, pode ser feito no primeiro dia de atraso menstrual. Mas será que o teste de farmácia é confiável? Clique aqui e saiba a resposta.

Caso o resultado do teste de farmácia dê negativo, recomenda-se esperar mais 3 a 5 dias, e, se a menstruação continuar atrasada, fazer um novo teste de gravidez.

Caso o resultado ainda assim for negativo, faça um exame de sangue para ter o diagnóstico certo da gravidez.

O exame de sangue é mais seguro, porque mostra a quantidade do hormônio Beta HCG, que só é produzido durante a gestação. O exame mostra o resultado positivo ou negativo e ainda com quantas semanas de gestação a mulher está.

Caso tenha mais dúvidas sobre sintomas da gestação, visite um médico ginecologista. 

No Centro Médico Saúde da Família, você pode marcar uma consulta e avaliar como está sua saúde. Clique aqui e agende.

Deixar uma Mensagem de Resposta

× Agende sua Consulta!