Especialidade: Radiologia

A Saúde da Família tem o compromisso de fornecer a seus clientes tratamento médico e odontológico de excelência por um preço justo e um atendimento humanizado.

A Radiologia é uma especialidade médica que permite obter imagens do corpo com a finalidade de identificar anomalias que expliquem os sintomas como parte do processo de diagnóstico.

Além disso, também permite efetuar certas intervenções com objetivo de tratamento ao direcionar os procedimentos e inclusive usar as radiações como tratamento.

É uma área médica altamente especializada que se apoia diretamente na tecnologia.

Graças a Radiologia é possível identificar diferentes lesões e inclusive classificá-las em fases ou estágios conforme as imagens obtidas. Também permite saber o resultado de um tratamento.

O médico radiologista pode atuar em duas grandes áreas: radiologia intervencionista ou diagnóstico por imagem.

A Radiologia Intervencionista realiza procedimentos invasivos com fins terapêuticos, como biópsia e angiografia.

No diagnóstico por imagem, o médico realiza análise crítica de pedidos de exames radiológicos, indicações de técnicas e materiais utilizados, interpretação das imagens e conclusões, que são registradas no laudo médico.

Existem muitas doenças que podem ser tratadas por meio da radiologia intervencionista, entre elas estão a varicocele, infertilidade, nódulo tireoidiano, pancreatite e estenose de uretra.

Artigos sobre Radiologia

Acesse Nosso Blog

Agende uma Consulta Para Hoje!

Agendar Agora

Varicocele

A Varicocele é doença que acontece a dilatação das veias presentes dentro do escroto, a bolsa de pele solta abaixo do pênis que detém os testículos.

Essa condição também é conhecida como varizes do testículo ou varizes do escroto, pois a dilatação das veias é muito parecida com a que acontece nas pernas, no caso das famosas varize.

É a mesma doença que afeta mais frequentemente as pernas das mulheres, que nesse caso é conhecida como varizes dos membros inferiores e provoca dor e inchaço nas pernas.

A varicocele costuma ocorrer mais do lado esquerdo do escroto. Pode ser não apresentar sintomas. Em alguns casos, causa dor, peso e/ou desconforto e pode comprometer a estética da região.

A utilização de suspensório escrotal durante as atividades físicas e alguns medicamentos por via oral ajudam a melhorar os sintomas.

Porém, caso seja comprovada a relação da varicocele com a infertilidade, o procedimento cirúrgico é essencial. A cirurgia é simples, realizada sob anestesia raquidiana ou peridural. Através de dois pequenos cortes na região pubiana, é feita a ligadura das veias varicosas.

Nódulo Tireoidiano

Um nódulo tireoidiano é um aglomerado de células que se desenvolveu e cresceu na glândula tireoide.

A Tireóide é uma glândula que fica na região anterior do pescoço, ao redor da traqueia. Apesar de seu tamanho médio ser de 15 ml ela é responsável pela produção de 2 hormônios: a triiodotironina (T3) e a tetraiodotironina (T4).

Os nódulos da que surgem na tireoide podem ter causas diversas. Podem ocorrer simplesmente por alterações da arquitetura morfológica da glândula, da forma como armazena os hormônios ou do substrato que usa para produzi-los, como podem ser neoplasias, ou seja, tumores malignos e benignos.

Mas não se sabe exatamente por que eles aparecem. Sabe-se, porém, que a radiação na região da tireóide na infância, na base do pescoço, por exemplo, é associada a maior frequência do câncer de tireoide.

A idade e gênero estão relacionados aos fatores de risco. As chances de desenvolver nódulos na tireoide aumenta à medida que a pessoa envelhece.

Pessoas do sexo feminino são mais propensas a desenvolver nódulos na tireoide do que pessoas do sexo masculino, mas o índice de câncer é maior entre eles do que nelas – 8% dos homens contra 4% das mulheres. Aproximadamente 90% dos nódulos na tireóide são benignos, portanto, não são câncer.

A maioria dos nódulos na tireoide não provocam sintomas.

Nódulos grandes podem ser pressionados contra outras estruturas no pescoço, ocasionando sintomas como:

  • Bócio ou glândula tireóide aumentada ou sensação de caroços no pescoço;
  • Rouquidão ou mudança de voz;
  • Dor no pescoço;
  • Problemas para respirar;
  • Problemas para engolir.

Pancreatite

Pancreatite é a inflamação no pâncreas. O consumo de álcool está diretamente associado à maioria dos casos da doença.

A pancreatite pode ocorrer de forma aguda ou crônica. Os casos leves de pancreatite podem desaparecer sem tratamento, mas casos graves podem causar complicações com risco de vida.

A pancreatite ocorre quando as enzimas digestivas produzidas no pâncreas tornam-se ativadas enquanto no interior do pâncreas, causando danos ao órgão.

Além do excesso de álcool existem outros fatores considerados de risco para a pancreatite aguda e pancreatite crônica, entre eles estão:

  • Cálculos biliares;
  • Cirurgia abdominal;
  • Certos medicamentos;
  • Tabagismo;
  • Fibrose cística;Câncer de pâncreas.
  • Colangiopancreatografia retrógrada endoscópica, quando usado no tratamento de cálculos biliares;
  • História familiar de pancreatite;
  • Níveis elevados de cálcio no sangue (hipercalcemia), que podem ser causadas por uma glândula paratireoide hiperativa (hiperparatiroidismo);
  • Altos níveis de triglicérides no sangue (hipertrigliceridemia);
  • Infecção;
  • Lesão no abdômen.

Os sintomas da pancreatite aguda são: dor abdominal intensa, quase sempre de início abrupto, na região superior do abdômen, que se irradia em faixa para as costas. Parece que é a segunda dor mais forte que alguém pode sentir. Náuseas, vômitos e icterícia são outros sintomas possíveis;

Já os sintomas da pancreatite crônica são: dor, diarréia e diabetes, porque o pâncreas vai perdendo suas funções exócrinas e endócrinas. A dor aparece nas fases de agudização da doença e tem as mesmas características daquela provocada pela pancreatite aguda.

Não Fique com Dúvidas

Perguntas Frequentes

O que faz um médico Radiologista?

O médico radiologista pode atuar em duas grandes áreas: radiologia intervencionista ou diagnóstico por imagem.

Na radiologia intervencionista os profissionais são capacitados para a realização de procedimentos invasivos com fins terapêuticos, como biópsia e angiografia.

Na biópsia, é coletada uma pequena parte de um tecido, que será analisada em laboratório, para investigar doenças, como câncer.

Já a angiografia é realizada através da incisão de um tubo fino (cateter) na parte do corpo a ser observada, injetando contraste para realçar tumores ou avaliar vasos sanguíneos como as coronárias durante um cateterismo cardíaco.

Mas a atuação mais popular do médico radiologista se dá no diagnóstico por imagem.

Nessa área, o especialista realiza análise crítica de pedidos de exames radiológicos, indicações de técnicas e materiais utilizados, interpretação das imagens e conclusões, que são registradas no laudo médico.

Que técnicas o Radiologista utiliza para fazer diagnósticos e tratamentos?

Atualmente a radiologia vai além do uso dos Raios X e das radiações eletromagnéticas. Ela utiliza outros mecanismos para obter imagens, como é o caso das ondas sonoras empregadas nos estudos de ultrassom, dos campos magnéticos para o estudo de ressonância magnética e da medicina nuclear que emprega pequenas quantidades de isótopos radioativos que são captados em estudos chamados radiação gama.

Qual a importância de consultar um médico Radiologista?

O auxílio de um médico Radiologista é muito importante, tanto para determinar diagnóstico quanto para tratamentos.

Quando ele deve ser consultado?

Como comentamos, o Radiologista não realizará a consulta ele irá dar o parecer e assinar o resultado do exame de imagem realizado.

Pacientes que estão em tratamento de alguma doença, como a pneumonia por exemplo, podem ser acompanhados por meio de uma radiografia. E, dessa forma, o médico poderá identificar a melhor maneira de levar o tratamento adiante.

Além do diagnóstico por imagem, o médico radiologista também irá orientar quando o assunto for a radiologia intervencionista.

Que sintomas indicam a necessidade de agendar uma consulta?

O médico Radiologista é requisitado em inúmeros situações, principalmente para confirmação de diagnósticos, por meio de exames de imagem. Como dissemos, a consulta é realizado com médicos de outras especialidades que encaminha para realização do exame de imagem.

Não pare de aprender

Artigos sobre Radiologia

Entre em Contato com Nossa Equipe

Agende uma Consulta

Telefone

Ligue para:
(84) 3214-5426

Unidade Igapó

Av. Bacharel Tomaz Landim, 1251
Natal – RN

Unidade Bernardo Vieira

Av. Bernardo Vieira, 3372.
Natal – RN

WhatsApp

Adicione o número:
(84) 9 9141 2423

Quer tirar suas dúvidas?

  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.
× Agende sua Consulta!